Saturday, August 19, 2017

Itapecerica guarda um Templo Dourado.

Publicado em Dica da Redação Escrito por  Dezembro 11 2015 tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte
Avalie este item
(0 votos)

No Kinkaku-ji, o turista encontra a reprodução do templo japonês do século XIV.

Não é necessário viajar até o Oriente, para conhecer parte da cultura e filosofia japonesa. Basta ir ao Vale dos Templos, em Itapecerica da Serra. O local é ideal para o descanso e lazer dos que procuram tranqüilidade, ou até mesmo para a meditação. No vale, encontra-se o Kinkaku-ji (templo dourado), projetado na década de 80 pelo arquiteto Takeshi Suzuki, com o auxílio dos artistas Noburo Norisada e Kanto Matsumoto, réplica fiel dos adornos do templo original construído no Japão. Até as dimensões foram mantidas.

Kinkaku-ji foi o primeiro cinerário brasileiro, e não faz restrinções a religião e nacionalidade daqueles que queriam reservar urnas para guardar suas cinzas. Também são realizadas cerimônias de casamento, batizados e missas ecumênicas. Aos finais de semana, turistas de todos os estados e de outros países vêm visitar o vale para rezar pelos parentes que estão no local, ou para admitir a beleza ambiente.

Durante o inverno, a atração fica por conta das cerejeiras, que florescem nessa estação do ano e têm o valor sagrado para os japoneses.

O Kinkaku-ji brasileiro fica a 32 Km de São Paulo e a 4 Km do centro de Itapecerica da Serra. No conhecido Vale dos Templos

Ler 1901 vezes Última modificação em Última modificação em Dezembro 14 2015

Curta nossa pagina

Procurando Turismo

Com o objetivo de fomentar o turismo em torno da região oeste de São Paulo composta pelas rodovias Castello Branco e Raposo Tavares, o jornal, distribuído há mais de 3 anos nas cabines dos pedágios e disponível na web, traz em suas páginas, dicas e matérias sobre passeios turísticos, cidades, monumentos, restaurantes, hotéis, áreas de lazer, parques públicos e eventos institucionais no interior. Um verdadeiro guia de turismo, um veículo segmentado e que tem ainda como apoio uma página no Facebook, atualizadas frequentemente, atingindo um público em torno de  1 milhão e 800 mil leitores anuais.